MASTKD BRASIL0

Governo do Brasil elimina apoio a atletas

Brasil - 2019/02/08 - No último dia útil do ano de 2018, o ex presidente da república do Brasil Michel Temer (MDB) tirou a contribuição dos atletas de base do Brasil em todas as modalidades esportivas.


Governo do Brasil elimina apoio a atletas
Talisca Reis (World Taekwondo Grand Prix Final, Fujairah 2018).

 

Criado em julho de 2004 e regulamentado em janeiro de 2005 a ajuda do Governo Federal, chamada de BOLSA ATLETA beneficiava crianças e jovens das categorias Cadete e Juvenil.

A portaria (lei) de número 381 foi assinada pelo ex ministro do esporte Leandro Cruz e gerou revolta e tristeza por parte de equipes esportivas de diversas modalidades brasileiras, e com o Taekwondo não foi diferente.

Os valores que já não eram muito, mas que ajudavam as jovens promessas do Taekwondo Brasileiro ficavam entre R$370,00 mensais para categorias Cadete e Juvenil.

O Governo manteve o apoio a categoria adulta principal nacional no valor de R$925,00, internacional no valor de R$1850,00, categoria Olímpica no valor de R$3100,00 e o Bolsa Pódio para atletas medalhistas em campeonatos mundiais e olímpicos, além beneficiar atletas que estão entre os 20 melhores do mundo com valores entre R$5.000,00 a R$10.000,00 mensais.

 

Gobierno de Brasil pone en jaque a promesas deportistas

 

A Diretora Técnica da CBTKD Natália Falavigna, acredita que o impacto já pode ser percebido pelo número de inscritos das categorias Cadete e Júnior do Campeonato Nacional (Grand Slam) que acontece nesse final de semana no Rio de Janeiro, mas acredita que uma reformulação será importante e espera que o governo do atual Presidente, excelentíssimo senhor Jair  Bolsonaro possa dar continuidade a este importante benefício.

Outro nome forte do Taekwondo Nacional, o Técnico Olímpico Fernando Madureira, também lamenta o corte do Bolsa Atleta para as categorias de base, mas acredita que um atleta não deveria se motivar apenas por motivos financeiros mas sim pelos títulos a serem conquistados, e assim como Natália, também acredita que é preciso uma reformulação da lei e melhor fiscalização dos órgãos competentes para que possa desta forma ser justo com todos.

Acredita-Se que a maior dificuldade agora será manter os atletas da categoria de base motivados para chegarem a equipe principal e poder pleitear os apoios que o governo oferece.

 

 

Criterios de ser beneficiado pelo bolsa Atleta

Categorias Cadete, Júnior e Adulto Nacional

  • Estar entre os 3 primeiros do Ranking Nacional
  • Estar entre os 3 projetos no Campeonato Nacional (brasileiro)

Categoria Internacional

  • Medalha em um Campeonato Internacional oficial escolhido previamente pela CBTKD.

Categoria Olímpica

  • Participar ou medalha em um Jogos Olímpicos.

Bolsa Pódio

Estar entre os 20 do Ranking Mundial

Medalha em Campeonato Mundial e/ou Jogos Olímpicos.

 

Carmen Carolina Pigozzi, Exclusivo MasTKD Brasil
Primeira Atleta Olímpica TKD Sidney 2000
Técnica Olímpica Rio 2016

Deja tu comentario!